quarta-feira, 4 de novembro de 2009

CITAÇÕES

De forma geral, as citações são cópias fiéis de trechos de textos pesquisas, que revelam úteis para a construção do trabalho desenvolvido. Para além da transcrição literal, há um outro caso em que a citação acontece em forma de entendimento de uma ideia presente em um texto já conhecido. Mesmo nesse caso, se trata de citação, pois a ideia não é própria. Em todos os casos apresentados, as citações servem para completar, corroborar ou exemplificar a ideia do autor no decorrer do texto construído.

A título de exemplo:

O texto a seguir é cópia de um texto já publicado:

Na Grécia Antiga, havia uma concepção de democracia específica e que apresentava algumas diferenças em relação à concepção que conhecemos no século XXI. Democracia significava o poder do povo, tal como entendemos hoje, porém, na Antiguidade Grega, constituíam o povo apenas os proprietários de terra e os grandes comerciantes em algumas cidades-Estado.

Como fazer para transformá-lo em citação:

1º-
as citações devem aparecem em destaque com relação ao texto construído. Podem vir grafadas: entre aspas ("..."), em itálico, ou quando se trata de textos aos qual se quer mais ênfase, ou de tamanho considerável, trazê-lo em recuo de parágrafo.

ex. a: "Na Grécia Antiga, havia uma concepção de democracia específica e que apresentava algumas diferenças em relação à concepção que conhecemos no século XXI. Democracia significava o poder do povo, tal como entendemos hoje, porém, na Antiguidade Grega, constituíam o povo apenas os proprietários de terra e os grandes comerciantes em algumas cidades-Estado" (São Paulo-SEE, 2009, p.10).

ex. b: Na Grécia Antiga, havia uma concepção de democracia específica e que apresentava algumas diferenças em relação à concepção que conhecemos no século XXI. Democracia significava o poder do povo, tal como entendemos hoje, porém, na Antiguidade Grega, constituíam o povo apenas os proprietários de terra e os grandes comerciantes em algumas cidades-Estado (São Paulo-SEE, 2009, p.10).

ex. c: Na Grécia Antiga, havia um distanciamento no tocante à democracia, pois enquanto que na teoria significava o poder do povo, na prática, somente os proprietários de terra e os grandes comerciantes em algumas cidades-Estado eram os que detinham o poder (Cf. São Paulo-SEE, 2009, p.10). .

ex. d:

Na Grécia Antiga, havia uma concepção de democracia específica e que apresentava algumas diferenças em relação à concepção que conhecemos no século XXI. Democracia significava o poder do povo, tal como entendemos hoje, porém, na Antiguidade Grega, constituíam o povo apenas os proprietários de terra e os grandes comerciantes em algumas cidades-Estado1.


(para o rodapé da página)
___________
1. SÃO PAULO-SEE, Caderno do Professor: filosofia, EM, 1ª série, vol.III, p.10.




2º-
as citações que ocuparem mais de uma página, o "p" deverá ser subtituído por "pp", observando as mesmas regras anteriormente indicadas.

ex. a: "Na Grécia Antiga, havia uma concepção [...] algumas cidades-Estado" (São Paulo-SEE, 2009, pp.10-11).

ex. b:

Na Grécia Antiga, havia uma concepção [...] algumas cidades-Estado1.

(para o rodapé da página)
___________
1. SÃO PAULO-SEE, Caderno do Professor: filosofia, EM, 1ª série, vol.III, pp.10-11.



___________
fontes:
Antonio Joaquim SEVERINO, Metodologia do trabalho científico, pp.106-109.
Martha PELEGRINO da Silva, José Carlos ROTHEN, Receitas de dona metodologia, pp.100-101.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário